Com a crescente demanda pelo transporte, principalmente o rodoviário, é fundamental que as empresas adotem precauções cada vez maiores para evitar prejuízos como roubos, acidentes e avarias em geral. No Brasil, as empresas ainda não costumam contar com departamentos e equipes dedicadas exclusivamente ao gerenciamento de riscos, portanto acabam absorvendo prejuízos financeiros de grande monta que poderiam ter sido evitados ou minimizados se houvesse ações de prevenção atuando na mitigação dos riscos inerentes ao negócio. O objetivo desta é promover o tema e prestar suporte aos interessados em implementar a gestão de riscos em seus negócios ou aperfeiçoar modelos já existentes.

Transporte rodoviário de cargas

GERENCIAMENTO DE RISCO

O gerenciamento de riscos consiste basicamente num conjunto de ações, portanto é complexo e abrangente. Importante deixar claro que não basta instalar uma determinada solução no caminhão e achar que tudo dará certo no decorrer da operação

 

São muitas variáveis e portanto tudo pode acontecer. O motorista pode sofrer um acidente ou então se perder pelo caminho, justamente quando a carga transportada for altamente perecível... De quem seria o prejuízo? E se a carga for roubada? Como agir, quem acionar ou então, o que fazer primeiro?

Confira as dicas de gerenciamento de risco aplicados ao transporte rodoviário de cargas, como por exemplo o emprego de comboio em conformidade com a apólice e PGR.

Confira as dicas de prevenção de perdas aplicadas a logística, abrangendo desde a Portaria, pátio, central de CFTV, Depto de Segurança, o Centro de Distribuição e suas áreas mais vulneráveis.

Como elaborar um plano de gerenciamento de risco?

Todas as empresas querem ter a garantia que seu produto chegue ao destino final e, por isso, é preciso se planejar e encontrar a melhor forma de se proteger dos riscos. Roubos de carga têm ocorrido com grande frequência e aumentaram assustadoramente nos últimos anos. O gerenciamento de riscos é útil para prevenir que roubos inesperados ocorram. Através dessa ferramenta de gestão, é possível desenhar o fluxograma com os pontos críticos no transporte de cargas e promover a implementação de controles para mitigá-los.

Perfil socioeconômico dos envolvidos no transporte

É importante conhecer o perfil e ter documentos de identificação de todas as pessoas envolvidas no transporte. É comum que o roubo de carga esteja associado com informações recebidas de pessoas de dentro da própria organização, por isso é importante que essas pessoas sejam cadastradas e possuam referências em seus cadastros. Além das pessoas, é preciso analisar informações da empresa com a qual você irá trabalhar. Empresas transportadoras que possuem altos índices de roubo podem possuir alguma deficiência operacional que as leva a perder cargas. Todos os passos do transporte devem ser pensados e ponderados.
 

Rastreabilidade da carga

Uma das formas de manter a carga segura é a sua rastreabilidade. Caminhões podem ser equipados com sistemas de alarmes e rastreamento por satélite. Esses sistemas alertam para quando o caminhão sai de rota ou para subitamente através de centrais de rastreamento. Dessa forma, a seguradora consegue ter mais confiança no transporte dos produtos e o preço do seguro pode diminuir.
 

Escolher a rota correta

É possível encontrar informações sobre roubo de cargas e escolher caminhos que são menos visados pelos ladrões. Caso o custo de fazer um desvio de rota compense o risco de ter a carga roubada, pode-se optar por esse caminho. Obviamente, não é possível realizar isso com todos os produtos, pois alguns necessitam chegar a todos os pontos de vendas, que estão espalhados em todo Brasil.

Depois de analisar cada um desses planos, é possível criar uma estratégia perfeita de gerenciamento de riscos em logística para a sua empresa. Quando o produto transportado possui alto valor para os assaltantes, deve-se pensar em estratégias para diminuir os assaltos. Essas estratégias podem ser viajar somente durante o dia, contratar escoltas ou proteger os caminhos com serviço de rastreamento.

Com um gerenciamento de riscos em dia, é possível economizar na contratação de seguros de carga e diminuir as perdas causadas por roubos. Além de fazer com que os produtos da sua empresa cheguem ao destino dentro do prazo e sem enfrentar imprevistos

Perfil de risco do produto

Para calcular o risco da carga, é necessário conhecer o produto. Produtos como celulares e joias têm um valor grande para as pessoas que vão roubá-los. O combustível, por exemplo, é o produto mais roubado no Brasil, seguido de alimentos, metais e materiais de construção. Eles são roubados porque podem ser facilmente revendidos.

Please reload

Quem somos
|
|
|
|
  • Grey Facebook Icon
  • Grey Twitter Icon
  • Grey Google+ Icon
  • Grey YouTube Icon
  • Grey Instagram Icon
Riscos Brasil é um portal de conteúdo informativo e educativo voltado ao mercado de logística e transporte, porém com foco em Segurança e Prevenção de perdas. Tire dúvidas, busque informações e participe das nossas ações de combate a criminalidade, em especial, roubo de cargas e demais crimes associados.