Investigador da Polícia Civil é preso em Curitiba por participação em roubo de cargas

July 4, 2019

Um investigador da Polícia Civil foi preso na manhã desta terça-feira (2), em Curitiba, suspeito de envolvimento em roubo de cargas de soja e milho. A prisão é preventiva, ou seja, por tempo indeterminado.

 

De acordo com a Polícia Civil, o investigador foi preso em casa, no bairro Boqueirão. Ele estava sendo investigado há cerca de dois meses, depois de a polícia recuperar três carretas roubadas. Elas foram localizadas em uma chácara em Araucária, na Região Metropolitana da capital paranaense.

 

Chefe da quadrilha está foragido

Um dos caminhões, segundo a Polícia Civil, pertencia ao investigador. Ele tem ligação direta com o dono da chácara que, conforme a polícia, é suspeito ser o chefe de um dos maiores grupos criminosos qua agem nesse tipo de crime na Região de Curitiba.

 

O homem apontado como chefe da quadrilha é considerado foragido, de acordo com a Polícia Civil. Além de instaurar um inquérito policial, a corporação abriu um processo administrativo para apurar a conduta do investigador. Ele já estava afastado as funções. Antes disso, atuava na Delegacia de Campina Grande do Sul, na Região Metropolitana.

 

Apreensão na chácara

Na chácara, a Polícia Civil também apreendeu um conjunto de cavalo e carreta que tinha alerta de roubo. O conjunto foi roubado em Paranaguá, no litoral do estado, no dia 21 de abril. Os caminhões que estavam no local foram adulterados, segundo a polícia. Eles estavam com lacres de placas rompidos e numerações remarcadas.

 

Fonte: Policia Civil PR

Share on Facebook
Share on Twitter
Please reload

atlas_login.png
Últimas noticias
Please reload

Roubo de carga
Quem somos
|
|
|
|
  • Grey Facebook Icon
  • Grey Twitter Icon
  • Grey Google+ Icon
  • Grey YouTube Icon
  • Grey Instagram Icon
Riscos Brasil é um portal de conteúdo informativo e educativo voltado ao mercado de logística e transporte, porém com foco em Segurança e Prevenção de perdas. Tire dúvidas, busque informações e participe das nossas ações de combate a criminalidade, em especial, roubo de cargas e demais crimes associados.